Aside Posted on Updated on

“O facto de conseguir ver-se ou não não parecia que, de alguma forma, se pudesse modificar, um dia. Mas o facto de poder, conseguir sentir, frente ao espelho, estava ao alcance do seu coração. Como era possível poder sentir sem poder ver? Da mesma forma que não precisava dos olhos para amar. Apenas do coração.
(…)
Gabriel manifestou a sua gratidão através de um sorriso franco. Embora soubesse não ser visível aos olhos de Bianca, tinha a sensação de que esta o conseguiria sentir através dos olhos do coração.” (Ana Isabel Isidoro, 2014)
Image
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s